fbpx
AV Goethe 74 - Caixa Postal 7501  - Porto Alegre, RS - CEP: 90430-970  ‎+55 51 99115-7105

Pra quem não está por dentro, o criador do blog Mundo Gump escreveu  um conto chamado Zumbi, que conta a história de um cara que foi contaminado no apocalipse zumbi e virou um morto vivo que precisa comer gente para manter a consciência. O conto virou livro, que vai ser publicado no Brasil e exterior pela Avec Editora. Também está rolando um game, bem bacana, que usa os personagens e é parte da história (que começa no livro 1 mas deve se estender por três livros). Será o primeiro projeto transmídia da AVEC Editora.

Desde o início do ano a equipe do game está trabalhando duro.  O game se chama Project ApocalipZ – e sua sigla é PAZ – Será o primeiro jogo indie produzido com a Unreal Engine 4. .

Mas o que empolga é ver como está ficando.

[youtube id=”f-7bAL8XShI”]

 

Há um bom trabalho para fazer o cenário interessante.

ScreenShot00004 Mais novidades do jogo do zumbi   Curiosidades

ScreenShot00005 Mais novidades do jogo do zumbi   Curiosidades

ScreenShot00007 Mais novidades do jogo do zumbi   Curiosidades

ScreenShot00008 Mais novidades do jogo do zumbi   Curiosidades

 

O pessoal está curtindo muito este game, que mostra o zumbi David Carlyle com seu indefectível machado e chapéu, carregando sua mochila de carne humana enquanto tenta suplantar os mortos vivos carniceiros. O Fred, na cadeira de rodas também aparece no video demo. Imagina  estar preso numa cadeira de rodas num apocalipse zumbi!

 

O jogo vem desempenhando bem na Steam, chegando a 35% do top 100 em apenas 1 dia!

O jogo bateu 84% de aprovação contra uma media de 49% do top 50 no Greenlight da Steam.

10723431 669901789775718 643100618 n Mais novidades do jogo do zumbi   Curiosidades

 

steamworkshop collection 315148198 collection branding Mais novidades do jogo do zumbi   Curiosidades
À medida em que as coisas forem saindo, eu vou atualizando a galera. Se você quiser, pode se registrar no site do Project ApocalipZ

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *